TIPIFICAÇÃO DOS RESERVATÓRIOS DE USINAS HIDRELÉTRICAS EM MINAS GERAIS

Mariana d´Ávila Freitas

Resumo


O presente artigo apresenta a tipificação dos reservatórios de usinas hidrelétricas do estado de Minas Gerais. A matriz energética do Brasil é em sua maioria proveniente da hidroeletricidade, portanto estudos nessa área são válidos para assegurar proteção do potencial hidráulico e do aproveitamento hidrelétrico. A tipificação consiste no agrupamento de ambientes em tipos com características geográficas e hidromorfológicas semelhantes para permitir a avaliação de condições ecológicas. Esse tipo de classificação surgiu na Europa, sendo o principal instrumento da Política da União Europeia relativo aos recursos hídricos. No estudo foram contempladas variáveis de 19 reservatórios no Estado. A formação dos grupos de reservatórios foi realizada por meio de procedimentos estatísticos que inicialmente reduziu a quantidade de variáveis (Análise de Componentes Principais) e a partir da seleção das variáveis mais representativas foi feita análise de cluster para o agrupamento de reservatórios. Este trabalho é parte de um projeto que posteriormente validará o processo de tipificação com resultados biológicos. A classificação, além do foco ecológico de avaliar as condições dos ambientes, também servirá de subsídio na gestão dos reservatórios em Minas Gerais.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.